01
01
Navegadores de plantão informações para marítimos www.jasabia.com
02
02
Carreira, cursos e concursos para o desenvolvimento pessoal. www.jasabia.com
03
03
Navegar é preciso e sempre restará muito o que fazer. www.jasabia.com
04
04
Sejam bem vindos a navegação em navegadores de plantão. www.jasabia.com

Curso de Adaptação para Aquaviários - Cozinheiro, Taifeiro, Enfermeiro e Auxiliar de Saúde

Categoria: Marinha do Brasil

Destina-se a habilitar o aluno para as competências e habilidades exigidas para Cozinheiro
(CZA) ou Taifeiro (TAA) e Seção de Saúde, nas categorias de Enfermeiro(ENF) ou Auxiliar de
Saúde (ASD), para adaptá-lo como Aquaviário do 1º ou 2ºGrupo - Marítimos ou Fluviários -
Seções de Câmara e Saúde.


3.2 - Local de realização
A) Centro de Instrução Almirante Graça Aranha - CIAGA - Avenida Brasil, 9020 - Olaria - CEP:
21031-831 - Rio de Janeiro - RJ, e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
b) Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar - CIABA - Rodovia Arthur Bernardes, s/nº -
Pratinha - CEP: 66825-010 - Belém - PA, e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ; e,
c) Órgão de Execução (OE) autorizado.
3.3 - Condições para inscrição
A) Ser brasileiro (a) nato ou naturalizado (a); com mais de 18 anos de idade, até o dia de
inscrição;
b) Ser inativo da Marinha do Brasil (MB), oriundo do Corpo de Praças da Armada, do Corpo
Auxiliar de Praças ou do Corpo de Praças de Fuzileiros Navais, das seguintes especialidades: de
Cozinheiro (CO), Arrumador (AR) ou Enfermeiro (EF), desde que possua os requisitos
estabelecidos nas Normas da Autoridade Marítima (NORMAM-13), .
c) Possuir curso Técnico de Nível Médio em Enfermagem com diploma reconhecido pelo MEC e
pelo Conselho Federal de Enfermagem (COFEN), para a categoria de Enfermeiro (ENF) ;
d) Possuir Ensino Médio completo e portar certificado de Auxiliar de Enfermagem, reconhecido
pelo COFEN, para ingresso na categoria de Auxiliar de Saúde (ASA);
e) possuir Ensino Fundamental completo e, no mínimo, curso de capacitação de Cozinheiro
reconhecido /registrado no Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), para ingresso na categoria
de Cozinheiro (CZA); e,
f) possuir Ensino Fundamental completo e, no mínimo, curso de capacitação de Garçom/Taifeiro
reconhecido /registrado no Ministério MTE, para ingresso na categoria de Taifeiro (TAF).
3.4 - Exame de seleção
As instruções sobre o processo seletivo serão especificadas em EDITAL, elaborado pelo Órgão
de Execução (OE) que irá aplicar o curso.
Na área do Rio de Janeiro, o Processo Seletivo será coordenado pelo CIAGA, o qual irá elaborar
EDITAL específico.
A critério do OE, o processo seletivo poderá ser realizado através de um único exame de
seleção, nos casos em que tenha sido programado mais de um curso. O exame de seleção será
realizado em duas etapas distintas, a seguir:
a) 1ª etapa - Todos os candidatos inscritos, exceto o previsto na alínea b, do item acima, serão
submetidos a uma prova escrita eliminatória, em nível do 9º ano (antiga 8ª série) do Ensino
Fundamental, sobre conhecimentos de Português e de Matemática. O conteúdo programático
detalhado dessa prova será fornecido aos candidatos no ato da inscrição.
Será considerado aprovado nesta etapa o candidato que obtiver nota mínima 5 (cinco) em cada
uma das disciplinas constantes das provas escritas, estando assim, em condições de participar
da segunda etapa do exame de seleção; e,
b) 2ª etapa - Todos os candidatos aprovados na 1ª etapa e aqueles constantes da alínea b), das
condições para inscrição, serão submetidos a um teste de suficiência física, composto de:
I) prova de natação, na distância de 25 metros, sem limite de tempo; e,
II) prova de permanência flutuando, sem qualquer auxílio, com duração de 10 (dez) minutos.
Observações:
1) Para serem submetidos ao teste, os candidatos deverão apresentar atestado médico
considerando-os (as) aptos (as) em Inspeção de Saúde, inclusive boas condições auditiva e
visuais;
- 5 -2) Ficam desclassificados do processo de seleção os candidatos que não obtiverem aprovação
nos índices do teste de suficiência física; e,
3) Este exame de seleção não tem caráter de concurso público para ingresso na Marinha
Mercante ou na Marinha do Brasil (MB) e visa, apenas, definir a classificação do candidato à luz
do número de vagas estabelecido.
3.5 - Matrícula
Para distribuição das vagas deverão ser observados os seguintes critérios:
a) 90% - pelos candidatos indicados em ordem de prioridade, por empresas ou entidades
representativas da Comunidade Marítima; e,
Observação:
A carta da empresa com os candidatos indicados, deverá ser remetida pela própria empresa,
diretamente ao Órgão de Execução (OE). Nela deverão constar os seguintes itens: dados do
candidato, tempo de experiência marítima (caso o candidato possua), dados da empresa
(ex.:CNPJ, endereço, etc.), informação se a empresa está em dia com a contribuição do Fundo
de Desenvolvimento do Ensino Profissional Marítimo (FDEPM) e, por último, um texto
recomendando o candidato e mencionando as razões dessa indicação. Essa carta deverá ser
assinada, no mínimo, pelo gerente de recursos humanos da empresa; e
b) 10% - para candidatos da alínea b), das condições para inscrição.
Observação: caso haja sobra de vagas poderão ser preenchidas com candidatos avulso, que
preencham as condições para a inscrição, devendo ser dada prioridade para os candidatos com
mais tempo de experiência comprovada em Carteira de Trabalho.
3.6 - Divulgação dos resultados
A relação dos selecionados será fixada em quadro de avisos, em local informado pelo OE, no ato
da inscrição.
3.7 - Facilidades oferecidas aos alunos
A) Material de ensino, por empréstimo;
b) Merenda escolar; e,
c) Alojamento para aqueles residentes fora da cidade de realização do curso, quando disponível
no OE.
3.8 - Disciplinas e cargas horárias
I- Noções de Arquitetura do Navio........................................................................20 H
II- Legislação Marítima e Ambiental ..................................................................... 20 H
III- Conscientização Sobre Proteção de Navio..........................................................12 H
IV- Inglês Técnico Marítimo.................................................................................... 20 H
V- Conhecimentos Elementares de Primeiros Socorros.......................................... 20 H
VI- Técnicas de Sobrevivência Pessoal.....................................................................20 H
VII- Segurança no Trabalho........................................................................................20 H
VIII- Prevenção e Controle da Poluição no Meio Ambiente Aquaviário.....................24 H
IX- Procedimentos de Emergências...........................................................................12 H
X- Relações Interpessoais e Responsabilidades Sociais...........................................12 H
XI- Prevenção e Combate a Incêndio.........................................................................20 H
3.9 - Certificação
Ao aluno aprovado será concedido o Certificado de Proficiência modelo DPC-1031, expedido
conforme definido na Convenção STCW-78, como emendada Manila 2010, e respectivo Código:
Regra VI/1, Seção A-VI/1, Tabelas A-VI/1-1, A-VI/1-2, A-VI/1-3 e A-VI/1-4; e Regra VI/6, Seção
A-VI/6, Tabela A-VI/6-1.

hostgator coupon or play poker on party poker
Copyright 2014 Navegadores de Plantão - Curso de Adaptação para Aquaviários - Cozinheiro, Taifeiro, Enfermeiro e Auxiliar de Saúde. www.jasabia.com
Joomla Templates by Wordpress themes free